As 7 melhores comidas americanas que você deveria provar

As 7 melhores comidas americanas que você deveria provar

Descubra algunas das melhores comidas americanas de todos os tempos

Atenção: Esta publicação pode causar fome!

 

Uma das maiores vantagens de visitar os Estados Unidos é experimentar todas as variadas e deliciosas comidas que o país tem para oferecer. Da Califórnia ao Texas, da Flórida ao Maine, as pessoas se orgulham das comidas, tradições e receitas americanas típicas que as tornam especiais. Como au pair, você terá muitas oportunidades para experimentar a melhor comida e as melhores bebidas americanas, não apenas com sua família anfitriã, mas também em suas viagens por todo o país.

 

Se o seu paladar estiver pronto para a culinária americana, sugerimos que você comece com estes 7 pratos renomados:

 

Torta de maçã

 

“Tão americana quanto torta de maçã.” É um ditado popular que você vai ouvir com frequência, e é verdade! Esta sobremesa doce, cremosa e frutada é um tesouro nacional e o doce favorito de todos os tempos, de acordo com o American Pie Council. A origem da torta de maçã nos Estados Unidos remonta ao século XVIII, quando os peregrinos introduziram sementes da Inglaterra. Por que a associamos aos Estados Unidos? Porque, como muitas outras tradições e experiências agora apreciadas pelos americanos, a torta de maçã é algo que foi introduzido na cultura do país e transformado em uma tradição distintamente americana. Desde então, pessoas de todo os Estados Unidos dedicaram suas vidas a assar a torta de maçã perfeita.

Torta de maçã

Alguns gostam de torta de maçã com uma fatia ou duas de queijo cheddar; outros preferem acompanhada de uma colher de sorvete de baunilha. Não importa o que você escolher, sempre será deliciosa!

 

 

Buffalo Wings

 

Esse nome foi dado por seu local de origem – Buffalo, Nova York – Buffalo wings é uma experiência culinária saborosa e picante. A história dessas asasinhas quentes foi questionada muitas vezes, mas a maioria acha que elas foram criadas pela primeira vez no Buffalo Anchor Bar, por uma mulher chamada Teressa Bellissimo, que em 1964 acrescentou às asas de frango molho quente e manteiga de Caiena. Desde então, elas se tornaram um prato indispensável em bares esportivos e jogos de futebol. Elas são servidas com muita frequência com aipo, cenoura e uma porção generosa de “queijo azul” que ajuda a neutralizar um pouco o tempero das asas.

Buffalo Wings

Se você gosta de comida picante, você não pode perder as Buffalo Wings. E se você acha que você é aventureiro, no fim de semana do Dia do Trabalho em Setembro, a cidade de Buffalo – cujos cidadãos, a propósito, são simplesmente chamados de “wings” – comemora sua maior contribuição para a cena culinária americana com seu festival anual asinhas quentinhas no Buffalo Chicken Wing Festival.

 

Cheesesteaks (Sanduíches de carne)

 

Carne + Queijo + Pão = Philly Cheesesteak. Adicione cebolas e pimentões e você experimentará um verdadeiro paraíso. Este saboroso sanduíche foi inventado em 1930 na Filadélfia, Pensilvânia, conhecida como a “Cidade do Amor Fraterno”, por Pat e Harry Olivieri, que o venderam em sua barraca de cachorro-quente. Eles então abriram o “Pat’s King of Steaks”, que ainda está em funcionamento e constantemente compete com os “Geno’s Steaks” pelo título de melhor sanduiche da cidade.

Cheesesteaks (Sanduíches de carne)

Inspirados pelas raízes de sua família em Abruzzi, Itália, os irmãos Olivieri criaram o recheio do sanduíche com ” frizzled beef” (um termo para carne picada e crocante), depois adicionaram queijo (americano, provolone ou Cheese Whiz) e eles colocam tudo em um pão de cachorro-quente de uma marca local, Amoroso.

 

Ensopado

 

Com variantes de todos os tipos em toda a costa leste e em todo o país, qualquer nativo da área conhecida como Nova Inglaterra irá te dizer que o melhor ensopado é feito em uma das cidades mais antigas dos Estados Unidos: Boston, Massachusetts. Este é um prato típico desse estado e, embora a sopa não seja muito bonita por sua cor branca e sua textura granulosa, uma vez que você prova, vai amara! Principalmente se você ama frutos do mar.

Ensopado

O clássico “New England Clam Chowder” é uma mistura de mariscos quahog, batatas, carne de porco salgada, creme de leite e ervas. Há uma versão de Manhattan (caldo claro com tomates), uma versão da Flórida (picante com pimenta quente) e até mesmo uma versão da Costa Oeste, preocupada com a saúde (usando salmão ao invés de carne de porco). Tudo lindo por si só, mas se você chegar à Boston, pegue seus biscoitinhos de ostra e uma tigela grande de ensopado da Nova Inglaterra – você não vai se arrepender!

 

Salada Cobb

 

A salada Cobb foi inventada em 1937 e ficou famosa por seu criador – Bob Cobb, ou devido ao restaurante “The Brown Derby”, em Hollywood, Califórnia. Diz a lenda que o Sr. Cobb estava procurando o que sobrou em sua cozinha e ele juntou em uma salada inteira o que encontrou em sua frente: uma alface, um abacate, agrião, tomate, um pouco de frango frio, um ovo cozido, uma cebola , queijo e molho de uma velha receita francesa.

Salada Cobb

O experimento noturno de Cobb rapidamente ganhou popularidade entre os clientes do “The Brown Derby” e logo a salada saiu direto do cardápio para conquistar o paladar de quem vive em Hollywood e nos Estados Unidos. A salada Cobb teve muitas versões diferentes ao longo dos anos, cada uma tão saborosa quanto a anterior.

 

Cachorro-quente

 

Nada como um cachorro-quente para descrever o verão americano. É barato, saboroso e a comida perfeita para um churrasco. Inspirado nas salsichas originárias de Frankfurt, na Alemanha, o cachorro-quente foi inventado por um imigrante alemão chamado Charles Feltman, que, querendo economizar, usou um pão ao invés de um prato.

Cachorro-quente

Mais tarde, o imigrante polonês Nathan Handwerker o tornou conhecido através de sua barrca de cachorro-quente em Coney Island. Desde então, o cachorro-quente tem sido uma referência para a comida de rua americana. Por 102 anos, todo 4 de Julho, a mesma barraca de cachorro-quente de Nathan organiza o “International Hot Dog Eating Contest”, onde o campeão deve comer 62 cachorros-quentes em apenas 10 minutos. Se você quer viver uma autêntica experiência gastronômica americana, coma um cachorro-quente, com ou ketchup.

 

S’mores

 

O nome já vai te dar uma dica: com essa delicia pegajosa e quente, você não será capaz de parar de comer, você sempre vai querer mais. É uma comida americana típica e um exemplo claro do americano que, misturando diferentes alimentos, cria uma nova experiência culinária que durará ao longo dos anos, os S’mores são sinônimo de fogueiras e festas do pijama, um doce que fica ainda melhor quando é preparado em uma fogueira sob as estrelas. Um marshmallow assado e um pedaço de chocolate derretido entre dois biscoitos Graham.

S'mores

Ninguém sabe a origem dos S’mores, mas em 1927 as escoteiras Amercicanast lançaram uma receita impressa que segue o padrão de ouro. Quando você estiver nos Estados Unidos, não deixe de celebrar essa tradição única do país no dia 10 de Agosto, o dia nacional dos S’mores. É o momento perfeito para comer esse doce delicioso.

Mandy Cook
Mandy Cook
Eu sou Mandy, prazer em te conhecer! Eu sou de Boston, escritora e profissional de marketing com uma paixão por ser uma cidadã do mundo. Entre meus hobbies está cantar com meu grupo de cantores semi-profissionais à cappella, falar sobre Game of Thrones e comer tacos. Adoro viajar, sou fã dos Beatles e tudo que tem a ver com a Itália.