Descobrindo um novo hobby

Descobrindo um novo hobby

Fiz de tudo pra sair da zona de conforto.

A vida é mesmo incrível. Às vezes quando você menos espera, encontra novos caminhos que te movem e mudam você pra sempre. No meu caso foi descobrir minha grande paixão por corrida de uma forma inusitada, durante o Thanksgiving, um feriado americano que nem sequer fazia parte do meu cotidiano!

 

Nunca pensei que um feriado pudesse despertar minha paixão por corrida e me levaria a realizar um grande sonho.

 

Tudo começou quando minha host family decidiu fazer um jantar em casa pra comemorar o Thanksgiving com toda a família, cerca de 25 pessoas. Como manda a tradição, tinha muita comida e pra compensar tanto exagero, minha host family inscreveu todo mundo em um corrida de 5k conhecida como “Turkey Trot“. Como eles adoravam correr e eu não queria decepcioná-los, comecei a treinar e a me preparar três semanas antes da prova.

 

Confesso que no começo foi bem difícil e estressante. Tinha que correr às 07:30 da manhã no clima típico de novembro, ou seja, com dias frios e nublados. Super agradável, só que não.

 

Detestava acordar cedo, mas desistir não era uma opção. Então, enfiei na cabeça que assim que terminasse a prova, poderia voltar pra casa e comer tudo que quisesse sem um pingo de peso na consciência!

 

O Dia de Ação de Graças chegou num piscar de olhos e acordamos bem cedo pra correr. Ao contrário do que imaginávamos, as crianças não tiveram a menor vontade de ir, afinal estava extremamente frio e nublado. O menor ficou em casa com minha host mother enquanto meu host father tentava convencer o mais velho a participar da prova.

 

No fim das contas, só eu participei. Havia me preparado e pensei: “Espero que eles reconheçam todo meu esforço e quero ter a honra de representar a família“.

 

Esta corrida definitivamente despertou meu prazer de correr e praticar atividade física. Durante minha infância e adolescência eu até corria na escola, mas era mais uma obrigação pra me manter saudável e não algo que eu realmente gostasse.

Descobrindo um novo hobby

Algo mudou dentro de mim- adorei a experiência e percebi que correr poderia ser bem divertido.

Nunca havia participado de uma prova de corrida, a energia de quem tá assistindo e dos participantes é simplesmente contagiante e indescritível.

 

Depois desta prova, me inscrevi em outras. Participei da corrida de bolhas regada a muita espuma, da corrida de 4 de julho e da corrida pra arrecadar fundos pra escola das crianças. Uma corrida me levou à outra. E como nada acontece por acaso, eu e minha melhor amiga Júlia (que também era au pair), fomos visitar Nova York no primeiro final de semana de novembro. Pra minha surpresa, foi justamente no dia da Maratona de Nova York.

 

É obvio que fomos assistir a prova e dar uma força pros participantes. Falei de brincadeira, que um dia faria esta maratona e foi só risada. Mas no fundo, algo me dizia que passaria por esta experiência e realizaria este sonho.

 

Em 2017 voltei pro meu país após um ano como au pair. Aprendi que pra atingir uma meta, basta ter foco e fazer o que é preciso.

 

Pra encurtar a história: decidi me inscrever na Maratona de Nova York de 2018! Estava determinada a provar a mim mesma e ao mundo, de que era capaz de completar a prova mesmo não sendo uma maratonista nata.

Descobrindo um novo hobby

A força de vontade é fundamental pra ir além e alcançar seus objetivos, por mais impossíveis que possam parecer.

 

Tenho um orgulho imenso de dizer que completei a Maratona de Nova York em 5 horas e 28 minutos, sem nenhuma lesão ou cãibra. Sei que não é a melhor das performances, principalmente quando comparada a de corredores mais experientes, mas meu objetivo era simplesmente conseguir completar a prova e eu consegui!

Descobrindo um novo hobby

Esta experiência foi absolutamente fantástica. A cidade em festa, comemorações por toda parte e a vibe de que Nova York se orgulha de você. Não há como descrever a sensação de andar pela cidade com a medalha pendurada no pescoço e receber os parabéns de pessoas do mundo inteiro.

 

Assim que cruzei a linha de chegada, tive a certeza de que posso conquistar tudo que quiser, não importa o que for. Naquele momento, senti que dei um grande passo na minha vida, principalmente em relação ao meu crescimento e desenvolvimento pessoal.

 

Uma coisa eu garanto: nunca irei esquecer desta experiência que começou com uma simples Turkey Trot no dia 24 de novembro de 2016, graças à iniciativa da minha host family! É curioso como a vida nos leva pra caminhos diversos, não é mesmo?

 

É inevitável. Todos os anos, no Dia de Ação de Graças, me lembro disso tudo e agradeço por esta reação em cadeia que me fez chegar até aqui. Acredite em mim, se dois anos atrás alguém me dissesse que eu correria 42,195 Km, simplesmente daria risada na cara desta pessoa. Mas depois de um ano como au pair, tive a certeza de que não há nada no mundo que te impeça de fazer o que você deseja. Saia da sua zona de conforto e vá além, só assim você irá descobrir tudo de bom que a vida reserva pra você.

    A line drawing of a gumball machine

    Compatilhe sua história!

    Estamos procurando criadores de conteúdo apaixonados pelo programa para contribuir com nosso blog. Envie sua história hoje e compartilhe em primeira mão suas histórias da vida como au pair!

    Saiba mais